Acontece no CEV - Campeões do ano: alunos do CEV conquistam maior número de medalhas CEV Colégio

CEV Colégio

Acontece no CEV

Campeões do ano: alunos do CEV conquistam maior número de medalhas

Ser olímpico está no DNA do aluno CEV, é por isso que a turma coleciona tantas vitórias em competições de conhecimento, e em 2022 alcançou um marco histórico. Este ano, o CEV Colégio bateu o recorde de medalhas: foram incríveis 361 conquistas em desafios nacionais e internacionais de diversas áreas. 

Somente na Prova Canguru de Matemática, que reúne mais de 6 milhões de estudantes de 80 países, foram 172 medalhas, com direito a seis de ouro, 24 de prata, 50 de bronze e mais 92 menções honrosas.

Outra conquista recente que deixou alunos, professores, famílias e toda a equipe escolar orgulhosa foi na Olimpíada Nacional de Ciências, com 56 alunos medalhistas, sendo dez de ouro, 15 medalhas de prata, 11 de bronze e mais 20 menções honrosas. Nessa competição, o CEV Colégio obteve o maior número de medalhas do Piauí.

Já que o assunto é destaque, o CEV alcançou a marca de escola com o maior número de medalhas do Brasil no Torneio Nacional de Física 2022. Alunos do Ensino Fundamental, Ensino Médio e da Turma Olímpica levaram a melhor, competindo com estudantes de todo o país, arrematando oito vitórias.

Na famosa Olimpíada Brasileira de Astronomia (OBA), os resultados apontam 118 alunos destaques: 33 medalhas de ouro, 49 de prata e 36 de bronze. O resultado mostra o crescente interesse dos estudantes pelo estudo da ciência astronômica. No CEV, os estudantes contam com aulas de robótica e programação desde os primeiros anos escolares.

Tem mais! A turma soma mais 24 medalhas na Olimpíada Brasileira de Química Jr, Olimpíada Norte-Nordeste de Química, Olimpíada de Matemática da Unicamp e Mandacaru de Matemática.

“Tivemos um total de 50 medalhas de ouro, 90 de prata e 101 de bronze, além das 120 menções honrosas em 2022. Essa é a melhor marca da nossa história e vem de um trabalho árduo na preparação dos alunos para a vida. Utilizamos em sala de aula uma metodologia própria, com avaliações constantes e a tecnologia como aliada. O aprendizado torna-se mais significativo e então passamos a incentivá-los a competir. O processo de estudo para essas competições são estimulantes, eles ficam mais interessados, querem vencer. Nesse ponto oferecemos todo o apoio, material exclusivo, professores experientes e uma motivação a mais para seguir em frente, não desistir. A vitória vem, o orgulho é coletivo e ficamos com aquela vontade de fazer ainda melhor”, declara Sérgio Roberto, coordenador de turmas olímpicas do CEV Colégio.