Acontece no CEV - Corona Vírus e o papel da equipe de saúde na escola CEV Baby

CEV Baby

Acontece no CEV

Corona Vírus e o papel da equipe de saúde na escola

O Grupo Educacional CEV conta com profissionais da saúde nas Unidades Frei Serafim, Casa Baby, Kennedy e Sul. Essas Unidades possuem o setor de enfermaria, com profissionais formadas e com o suporte do médico pediatra, Ramon Nunes. O papel da equipe de saúde na escola sempre foi o de orientar e educar para a prevenção de doenças contagiosas dentro da instituição, além, claro, do apoio a casos específicos de pequenos acidentes e atendimentos emergenciais prévios. Com o surgimento do novo vírus Covid-19, que se propagou de maneira global, tornando-se uma pandemia e preocupando autoridades de saúde de todos os países do mundo, o trabalho de orientação da equipe de saúde CEV foi redobrado.

Durante o período em que as Unidades ainda estavam com aulas presenciais, todos os cuidados foram tomados e as ações de prevenção foram reforçadas. Cartazes com orientações de higiene foram espalhados por todos os prédios, assim como, houve um aumento da disposição de dispensers de álcool em gel para facilitar a desinfecção rápida das mãos dos colaboradores, estudantes e visitantes. Com a determinação de suspensão do funcionamento da escola, o setor de marketing do Grupo, em parceria com a equipe de saúde, continua o trabalho de prevenção e alerta, através das mídias internas e das redes sociais de todos os segmentos.

Veja artigo sobre o que podemos aprender com o Corona Vírus.

A importância da equipe de saúde na escola

Sendo a manutenção de bons hábitos de vida (alimentação saudável, prática de exercícios físicos, entre outros) alguns dos meios mais eficazes na prevenção de várias doenças, a presença de profissionais de saúde no ambiente escolar se faz extremamente necessária. No CEV, a equipe é formada por um médico pediatra, uma enfermeira responsável técnica, além de enfermeiras em todas as Unidades. 

O pediatra é responsável pelo suporte para o resto da equipe, pela organização dos treinamentos junto a colaboradores, pela elaboração de documentos técnicos e pelas orientações repassadas para educadores e familiares. A enfermeira técnica fica com a coordenação das funções de enfermagem, a colaboração para a normatização de funcionamento de acordo com os órgãos de classe, e a elaboração dos protocolos operacionais e de atendimento juntamente com o pediatra. As demais enfermeiras são responsáveis pelos atendimentos iniciais, pela identificação de situações de cuidado ou afastamento da escola, e na garantia dos tratamentos de doenças crônicas ou agudas para evitar faltas prolongadas ou evasão escolar e, por fim, trabalham na educação em saúde da comunidade escolar.

Assim, a escola realiza esporadicamente treinamentos e capacitações em primeiros socorros para o corpo docente e colaboradores envolvidos, principalmente na educação infantil. As equipes são orientadas a como proceder no atendimento de emergências no ambiente escolar, mas também a trabalhar a educação em saúde através da parceria com as famílias.

O pediatra destaca que “ter um médico presente na equipe aumenta a qualidade da escola, já que a mesma se propõe a tornar o ambiente mais seguro e mais propício para o desenvolvimento infantil pleno. Abrange o cuidado integral à criança com o olhar de um profissional capacitado, recebendo as demandas da família e da equipe quanto aos problemas já existentes, ou alterações percebidas ao longo do processo de aprendizagem. O trabalho do pediatra na equipe está direcionado para uma integração com a parte pedagógica do colégio”, frisa.

Além do médico, especialista em saúde infantil, o CEV conta também com o suporte de outros profissionais do setor da saúde. Psicólogas, psicopedagogas e nutricionistas acompanham o desenvolvimento das crianças desde o berçário (a partir dos 04 meses) até o 5º Ano do Fundamental.

Conheça mais sobre os serviços do setor de Psicologia da escola clicando aqui.

Ações de educação alimentar também são realizadas com frequência, saiba mais.