Blog - Como praticar exercícios com as crianças de forma segura nesse período de pandemia? CEV Baby

CEV Baby

Blog

Como praticar exercícios com as crianças de forma segura nesse período de pandemia?

Sabemos que não é fácil segurar a criançada em casa neste período de isolamento social, elas tem muita energia e não gostam de ficar paradas, o que nos leva a questionarmos: como ajudar as crianças na prática de atividades físicas de forma segura?

Muitas são as dificuldades enfrentadas pelos pais e responsáveis, por exemplo, enquanto algumas famílias não dispõem de grandes espaços em casa, outras contam com adultos trabalhando na modalidade home office. Mas é importante sempre buscar por alternativas, usar do que se tem disponível ou até mesmo improvisar.

A prática da atividade física além dos benefícios físicos, ajuda a desenvolver e fortalecer a imunidade, por isso o estimulo a essas práticas é essencial. Nesse período de isolamento são recomendadas atividades físicas de intensidade moderada, vale dançar, pular corda, subir escadas, circuitos com obstáculos, amarelinhas e outras, lembrando que todas essas atividades devem ser auxiliadas por um adulto, adequando sempre o espaço, para segurança da criança. Atenção também para higienização desse espaço e de todos os brinquedos e materiais a serem utilizados. Se as atividades forem praticadas fora de casa, esses cuidados devem ser redobrados.

Aproveitar esses momentos para ensinar as crianças a necessidade da higienização das mãos, do distanciamento mínimo entre as pessoas e da individualização de seu material, como copos, garrafas e outros. Evite atividades físicas caso as crianças apresentarem sintomas gripais/respiratórios.

Viu como não é impossível? busquem atividades físicas que as crianças gostem de fazer, conversem em família, em linguagem acessível a idade e nível de compreensão sobre a importância desses cuidados serem mantidos. Pratique, quem coloca na sua rotina a prática de atividade física, se torna mais disposto, menos estressado e deprimido, isso vale para crianças e também para os adultos.

Artigo feito pelo professor de educação física, Marconi Lima (CREF- 002834-G/PI)