CEV Vestibulares

Acontece no CEV

CEV e Rotary: parceria que gera oportunidade aos jovens estudantes de escolas públicas de Teresina

Um projeto que oportuniza o ingresso de estudantes de escolas públicas no ensino superior, mas, para além disso, dissemina em nossos jovens o sentimento de fraternidade e amor ao próximo. Há dois anos as primeiras sementes do projeto Sementes da Fraternidade foram plantadas e agora, em 2017, os primeiros frutos dessa ação começam a amadurecer.

Coordenado pelo Rotary Club de Teresina (Piçarra) e com apoio do Grupo Educacional CEV, o Sementes da Fraternidade identifica talentos na rede pública de ensino e lhes proporciona suporte para que tenham recursos necessários para o alcance de seus objetivos. “O projeto visa dar aos jovens suporte profissional e pessoal, impactar e transformar a sociedade, além de disseminar a consciência social nos participantes”, pontua José Luiz de Andrade idealizador do projeto e rotariano.

Em pouco tempo de atuação, o Sementes da Fraternidade já atendeu cerca de 30 jovens, sendo que 25 deles já conquistaram aprovações em instituições de ensino superior. E os demais demonstram a cada dia que, com o apoio necessário, eles podem chegar longe. Um grande exemplo é o estudante Thiago da Silva, que cursa o 1º ano do Ensino Médio no CEV Colégio e acabou de ser classificado com ótima pontuação para a segunda fase da Olimpíada Brasileira de Física – OBF 2017.

De acordo com José Luiz, a parceria com o CEV tem sido fundamental para o sucesso do projeto, pela atenção que os jovens estão recebendo e também pelo incentivo à continuidade do trabalho. “O CEV não é somente um parceiro, mas um incentivador do projeto, estando conosco desde o início. A maneira como eles receberam e apoiam nossos jovens é sempre ressaltada pelos nossos sementistas, como carinhosamente chamamos nossos bolsistas”, frisa o idealizador do projeto.

Bruno Lopes, diretor administrativo CEV, afirma que a parceria deve ser fortalecida e que novas maneiras de continuar colaborando para o crescimento desses jovens podem ser analisadas. “O CEV está totalmente aberto a continuar recebendo esses estudantes até mesmo depois que eles ingressarem no ensino superior, como forma de continuar o trabalho iniciado, oferecendo a oportunidade de estágio em nossos vários segmentos”.

José Luiz destaca ainda que o maior benefício do projeto é a transmissão da semente, quando eles alcançam seus objetivos e depois disso repassam essa fraternidade para outros jovens. “Acreditamos que os jovens beneficiários serão tocados pelo fato de terem recebido todos esses benefícios e por isso semearão a fraternidade ao seu redor”.

Como funciona

São realizadas palestras nas escolas públicas. Os estudantes são selecionados através de redações produzidas por cada um ou por indicações de professores e diretores, ou mesmo por iniciativa do próprio estudante.

Para serem selecionados, os jovens estudantes precisam apresentar desempenho acima da média e demonstrar afinidades com a causa proposta. Por isso, passam por entrevistas com os colaboradores do projeto.

Após a seleção final dos jovens, os mesmos são encaminhados para o CEV Colégio e ganham bolsas para cursinhos preparatórios para o Enem e outros vestibulares como também em turmas do Ensino Médio. Ainda durante esse processo, os estudantes têm acesso a mentorias, onde vivenciam um dia com profissionais de destaque nas áreas que pretendem prestar vestibular, além de suporte vocacional.