CEV Concursos

Blog

Como organizar uma viagem para prestar concurso público? A Joana te conta!

Oi gente! Hoje quero falar sobre um assunto que às vezes é deixado de lado por muitos concurseiros, mesmo os mais experientes: o planejamento de uma viagem para concurso. Como na próxima semana viajo ao Rio de Janeiro para prestar um concurso, fiquei pensando em falar sobre isso com vocês.

Hoje vou dar algumas dicas para que sua viagem seja tranquila, liberando suas energias apenas para a prova e, se der, um tour pela cidade no pós-prova (você merece, não é?).

É normal adiar a programação da viagem, afinal, é tanta matéria para estudar, tantos detalhes para se preocupar, que acabamos por postergar essa fase importante do concurso. Mas isso deve ser evitado ao máximo, pois quanto mais perto da prova, menos estresse você deve trazer para a sua mente.

1 – A pergunta que não quer calar: Você quer mesmo esse Concurso?

"Mas como assim Joana, se estou me inscrevendo, é claro que quero!"

Será mesmo?

Veja bem, se for aprovado, vai ter que passar pelo menos alguns anos nessa cidade antes de pedir a remoção, que nem sempre dá certo na primeira tentativa. Vai estar longe da família e amigos, em um ambiente totalmente novo.

Não estou querendo desestimulá-lo, longe disso! Apenas quero mostrar que nossas escolhas devem ser bem pensadas. Refletiu direitinho e decidiu que esse é seu sonho? Então siga em frente com força total!

2 – O cargo escolhido é o certo para você?

Mais um ponto que às vezes passa batido é a afinidade com o  cargo escolhido para a prova. Muitas vezes, nos empolgamos com a remuneração de um cargo, mas não paramos para pensar se ele “combina” com a gente.

Olha só, você vai passar a maior parte do seu dia exercendo essa função. Se não gostar do seu trabalho, pode ter certeza de que será uma tortura estar lá.

Hoje eu digo sem piscar os olhos, por experiência própria, quando você ama o seu trabalho, tudo flui, o dia passa voando e você sente um imenso prazer em realizar as suas atividades. E se isso ocorrer com o cargo pelo qual lutou tanto para conseguir...será a glória! Por isso escolha bem o tipo de concurso para o qual vai se dedicar.

3 – E o local da hospedagem durante o concurso?

Com a certeza de que vai fazer a prova, a hora é de decidir a hospedagem. Isso depende, claro da disponibilidade de grana e de quanto tempo você pretende ficar na cidade.

Eu vejo nas redes sociais alguns concurseiros comentando que vão esperar sair o local da prova para então decidir onde ficar. É uma estratégia interessante, no sentido de poder escolher um local próximo ao da prova e assim economizar com a condução até o colégio/faculdade. Mas eu particularmente nunca tive coragem de fazer isso, principalmente se for um concurso de grande porte, como o do TRE-SP, que houve recentemente.

Eu faço assim, na hora que sai o dia da prova, já reservo o hotel ou hostel. Com isso me sinto tranquila de que já tenho meu lugar garantido, sem perigo de em cima da hora não achar nada ou só encontrar lugares muito caros. Todas as vezes que reservei o hotel com uns dois meses de antecedência, encontrei valores de diária bem mais baratos do que se reservasse alguns dias antes. Acabo economizando, mesmo se por ventura ficar longe da prova.

Com as redes sociais e os sites de pesquisa, hoje é muito fácil descobrir bons locais com preço justo. Tire um dia para pesquisar bastante, anote valores e endereços, veja o bairro, se há restaurantes e shoppings por perto, tudo isso ajuda.

O que achei mais legal na minha última pesquisa para achar minha estada, é que a maioria dos hotéis/hosteis tem página no Facebook, pois assim podemos ver os comentários que as pessoas fazem, fotos de hóspedes e do local. Com isso sentimos o “clima” do local, se passa segurança ou se pode ser roubada. Além disso, muitos colocam o watsapp para tirarmos todas as dúvidas.

3.1 - Vai viajar com alguém?

Vejam juntos os sites e redes sociais, assim podem escolher da melhor forma para todos.

3.2 -  Vai ficar na casa de algum amigo?

Excelente, já tive ótimas experiências, inclusive ficando na casa de “amigos de amigos”. Até hoje sempre fui muito bem recebida. Além da segurança de estar na casa de alguém que conhece a cidade, você não se sente tão sozinho e ainda economiza o dinheiro do hotel! A dica que eu dou é que leve uma lembrancinha de sua cidade para quem vai lhe hospedar, é uma gentileza e demonstra gratidão.

3.3 – E hostel/albergue? Compensa?

Eu sempre fiquei em hotel ou casa de amigos, mas dessa vez me aconselharam a pesquisar algum hostel. Confesso que tinha receio; como às vezes viajo só, não teria coragem de ficar em um quarto compartilhado. Mas quando soube que também há quarto privativo em hostel, resolvi pesquisar.

Qual não foi a minha surpresa, descobri um mundo de oportunidades! No Rio de Janeiro  por exemplo, que é onde farei minha prova, vi tantas ofertas, tantos sites com bons hostels em ótimos bairros, que baixei a guarda e mandei meu preconceito pastar.

Mas você deve procurar bem, para garantir que vai ficar em segurança e conforto. Para essa minha viagem, acabei escolhendo um hostel fofo, com preço bem abaixo de hotel, que depois acabei descobrindo que foi a casa de um grande cantor de Bossa Nova que amo muito. Que surpresa, tomara que traga boa sorte para a prova! hehe. Mas tudo isso porque escolhi minha hospedagem com boa antecedência!  

4 – Quanto às passagens aéreas, o que fazer?

O mesmo com as passagens. Assim que sai a data da prova, fico sempre de olho nos sites das empresas aéreas a fim de aproveitar as promoções. Dica: elas quase sempre aparecem dia de sexta-feira. Cadastre seu e-mail para receber as ofertas. Assim, pode dar a sorte de conseguir uma promoção e as passagens saírem quase o mesmo preço das de ônibus!

Se a sua cidade de destino for muito longe, acho que vale a pena ir de avião, pois já evita o desgaste físico e mental de horas sem fim no ônibus. Mas faça tudo sempre dentro de seu orçamento! Se for viajar para pertinho, vale a pena ir de ônibus. Vai de carro com alguém rachando a gasolina? Melhor ainda!

5 – Verifique o local da prova com antecendência!!!

Quanto ao local de prova, o procedimento é fundamental: pesquise como chegar ao local!!

No Google Maps você vê a rota entre o lugar em que está hospedado e o da prova, imprima e guarde consigo. Se sentir que o sistema de transporte da cidade é seguro, pode se informar de como ir de ônibus ou metrô.

Mas se possível, tente ir de táxi ou uber, pelo menos na ida até a prova, é um sacrifício que pode valer a pena. Já pensou perder a prova por pegar o ônibus errado ou pela demora?

Tanto no Face como no Watsapp os concurseiros combinam entre si de dividirem o táxi/uber para o dia da prova. Entre nesses grupos e troque informações, quem sabe alguém do próprio hotel pode dividir com você? Já aconteceu comigo em duas cidades diferentes, o táxi saiu baratinho! Outra: chegue muito cedo, não há nada pior do que chegar faltando poucos minutos para os portões fecharem. Nem pense nisso!

Vai fazer prova de manhã e de tarde? Leve lanches embalados, pois caso não haja restaurante ou lanchonete próximo ao local, ou estejam muito lotados, você está garantido. Sobre alimentação, muito cuidado com a alimentação no dia anterior, ninguém merece uma dor de barriga na hora da prova, já basta a do nervosismo. Beber álcool na véspera da prova está fora de cogitação, deixe para curtir no domingo à noite, com a sensação de dever cumprido!

6 – Prova feita: Hora de relaxar!!!

Fez a prova? Agora pode relaxar. Se comprou a passagem para o mesmo dia da prova, deixe tudo pronto, para não ter imprevistos para seu retorno. Vá para casa com o coração tranquilo, sua parte foi feita.

Vai ficar mais alguns dias na cidade? Esse é o momento para se sentir como se estivesse em férias, por cada dia estudado, por cada festa que deixou de ir se preparando para essa prova. Você merece, curta sem culpa. Para isso também aconselho pesquisar sobre os pontos turísticos da cidade, restaurantes, bares, enfim, os atrativos do local.

Se vai acompanhado maravilha, é sempre mais fácil se divertir em boa companhia. Mas se vai sozinho também não se acanhe, eu particularmente adoro viajar sozinha, só pesquiso bem os locais antes de ir, pois segurança é fundamental.

Para essa minha viagem já tenho todo um itinerário nos dias seguintes à prova, que com fé em Deus há de ser maravilhosa. Mas caso não seja não vou desanimar, pois como diz a máxima: concurso é até passar! Então é isso gente, logo volto com mais novidades e dicas para concursos. Estamos juntos!