Acontece no CEV - CEV trabalha noções de Direito, Política, Cidadania e Empreendedorismo com estudantes do Ensino Médio CEV Colégio

CEV Colégio

Acontece no CEV

CEV trabalha noções de Direito, Política, Cidadania e Empreendedorismo com estudantes do Ensino Médio

O CEV Colégio leva para a sala de aula, desde o de ano de 2010, duas disciplinas importantíssimas para o desenvolvimento integral do indivíduo. A Noções de Direito, Política e Cidadania (NDPC) é ministrada para estudantes do 1º ano e a Noções de Economia, Finanças e Empreendedorismo (NEFE) faz parte da grade curricular do 2º ano, ambas do Ensino Médio. Oportunizar o despertar da capacidade empreendedora dos jovens e, para além disso, garantir-lhes conhecimento sobre seus direitos como cidadãos são alguns dos propósitos da escola com a oferta dessas disciplinas especiais.

“O que queremos proporcionar para o aprendente do 1º ano é que ele passe a conhecer os seus direitos. Por isso, trabalhamos temas do Direito Constitucional, Eleitoral e do Consumidor, entre outros. Outro ponto importante da disciplina é que ela aborda o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), mas não somente isso, eles também passam a conhecer o Artigo V, que estabelece não só os direitos, mas também os deveres do cidadão!”, frisa o diretor pedagógico, professor Neto Ceará.

Já no 2º ano, o Colégio avança para o ensino de noções de economia e finanças voltadas ao empreendedorismo com a NEFE. O estudante aprende desde cedo a lógica da Bolsa de Valores, aprende como investir e “vivencia” o mundo business desde cedo. O Projeto Miniempresa realizado pela Júnior Achviement é um espelho dessa disciplina, onde os alunos podem aliar a teoria à prática.

Para a estudante Elis Maria, a disciplina NEFE não é importante apenas para quem pretende trabalhar na área da economia, mas também se aplica a situações cotidianas. “É educação financeira, a gente aprende a fazer aplicação do dinheiro, formas de economizar e fazer uso correto dos rendimentos”, afirma a aluna que também participou do Projeto Miniempresa no ano de 2018. “A matéria foi essencial na montagem da nossa miniempresa, pois nos deu uma noção bem maior sobre organização financeira”, frisa.

Neto Ceará afirma ainda que as disciplinas são recebidas com entusiasmo pelos estudantes, justamente por tratarem de temas aplicáveis ao dia-a-dia. “Como as disciplinas são muito aplicáveis no cotidiano, os alunos adoram e participam efetivamente. O rendimento das notas reflete muito bem essa postura do alunado”.